sexta-feira, 29 de julho de 2016

Parceria - Thati Machado

Olá leitores, como vocês estão?

Hoje venho dar uma super notícia a vocês! O Traveling agora é parceiro dessa autora incrível que está fazendo muito sucesso, Thati Machado. Vocês vão conhecer um pouco sobre a escritora, sobre a sua obra Ponte de Cristal e outras. Vamos lá?


A AUTORA

Thati Machado começou sua jornada literária aos doze anos, escrevendo fanfictions na internet. Lançou seu primeiro livro, “Ponte de cristal”, em novembro de 2014. Desde então, a jovem já lançou mais livros e contos (“Com outros olhos”, “Impermeável”, “Você nunca está sozinho”, entre outros) e vem participando de diversos eventos e feiras literárias. Na Flipoços de 2015 ganhou destaque ao palestrar sobre a literatura e os meios virtuais ao lado de Martha Gabriel e José Luiz Goldfarb. Ela e sua mais recente obra digital, “Poder extra G”, foram tema do G1, São Paulo review, rádio CBN, entre outros. A jovem foi matéria de capa do segundo caderno do jornal “O Fluminense”, onde falou de si e do seu trabalho como escritora. Pouco tempo depois, estampou o jornal “O Globo” ao lado de escritoras como FML Pepper e Carolina Estrella. Esteve novamente na capa do segundo caderno do jornal “O Fluminense”, ao lado também das escritoras citadas acima, além da Fernanda Belém e Mia Malafaia. Um de seus eventos, organizado na cidade de São Gonçalo, também foi matéria no jornal “O São Gonçalo”. Foi entrevistada algumas vezes para os canais de TV e rádio locais de Niterói, onde nasceu e vive até hoje. Recentemente, estampou uma matéria sobre a luta contra a gordofobia através de literatura no portal de notícias G1 do Sul de Minas. Com boa repercussão, a matéria foi destaque também no G1 nacional. Também escreve na plataforma wattpad, onde possui mais de 1 MILHÃO e 600 MIL leituras on-line.

A OBRA "PONTE DE CRISTAL"

Sinopse: A renomada escritora Mia Prescott não imagina que a sua decisão de acertar contas com o passado causará uma reviravolta em sua vida e colocará à prova todas as suas certezas. Seu país, o Lar, precisará da sua ajuda ou sofrerá pelas mãos da mesma pessoa que arruinou seu verdadeiro eu. Vivendo na Capital, Mia não percebe que uma revolução está se aproximando e que ela é a única capaz de detê-la. Bom, ela e o homem a quem ela jurou se vingar. Ou talvez não seja ele... Quer dizer, em quem confiar?

Dados técnicos:
Autora: Thati Machado
Editora: Laço Editorial
N° de páginas: 314
Tamanho: 14x21 cm





OUTRAS OBRAS



COM OUTROS OLHOS

Sinopse: A vida perfeita de aparências da jovem Lana se desfaz como pó depois de um trágico acidente com seu então namorado Lucas. Destinada a ultrapassar todos os obstáculos que a vida lhe impõe, Lana ingressa na Companhia Raoul de Teatro - com a ajuda de seu irmão - sem que saibam das suas limitações. Seus companheiros de trabalho parecem não facilitar a vida da moça, principalmente Arthur, que interpreta seu par romântico na peça. Ironia do destino ou não, Lana vai descobrir que uma vida sem luz ainda pode lhe oferecer tudo que uma garota sempre sonhou. E que as aparências... Sempre enganam.


PODER EXTRA G

Sinopse: Nina não é uma mulher de tipos. E não apenas por conta dos seus noventa e dois quilos... Nina possui atitude e amor próprio. Talvez não nessa ordem. Quem se importa? Ao namorar Marco, ela achava que estava subindo mais um degrau rumo ao topo de sua autoestima. É claro que alguns sinais lhe alertavam exatamente do contrário, mas o ego pode ser um objeto bastante ensurdecedor, quando nos convém. Após se dar conta da grande farsa que era o seu relacionamento, Nina decide deixar toda sua vida em São Paulo em "stand by" e parte rumo à Buenos Aires, para um mês regado a argentinos sedutores e obviamente, muito doce de leite. Novamente: talvez não nessa ordem. Definitivamente, não nessa ordem! Nina só não esperava que o país dos "hermanos"pudesse lhe trazer muito mais do que uns quilinhos extras...

O livro está na plataforma Wattpad e a pedido dos leitores, “Poder extra G” (que já possui mais de 1 MILHÃO e 200 MIL leituras e mais de 100 MIL favoritações) virou uma trilogia. O primeiro livro, já finalizado, é narrado pela Nina. Os dois livros posteriores serão narrados por outros personagens de destaque na trama. Outros assuntos serão abordados e aprofundados. “Singular”, segundo livro da série, já está sendo escrito e postado na plataforma Wattpad e conta com mais de 200 MIL leituras. O terceiro livro da série, narrado pela Marcela, melhor amiga da Nina, será lançado no segundo semestre de 2016.

Vocês podem conhecer as outras obras e um pouco mais sobre a autora, clicando aqui ou entrando em contato com ela:


E-mail: thatiisr@hotmail.com / blognemteconto@outlook.com
Blog: Nem te conto
Link: Wattpad

Estou super ansiosa para ler "Ponte de Cristal", tenho certeza que será uma experiência incrível, ainda mais que me identifiquei muito com a autora.

Beijos, até mais!

sábado, 23 de julho de 2016

Estudar nunca sai de moda

EEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEI!

"Quem é essa louca gritando aqui gente?" 
Aposto que vocês não se lembram de mim *choro* :(

Enfim, sou a Lud e eu dividi esse blog com a Nayara por um ano mais ou menos e depois resolvi dar uma parada por alguns motivos. Mas eu a prometi que faria posts esporádicos por aqui e ela sabe bem como cobrar uma promessa (EU FUI AMEAÇADA!!!!!!)

Hoje eu escrevo no Tudo, menos foco (visitem!!) com uma outra amiga e o plano é um canal agora porque estou lotada de ideias dfjdslfj;sdklf;dsjfkdsjf (a louca).

O post de hoje na verdade é um repost do que escrevi por lá esses dias e que muita gente gostou: Estudos. Já aviso que é um post longo, mas leiam tudo por favor e deixem dicas do que gostariam de ler aqui e lá. 

Vamos ao post: 


ALERTA DE POST LONGO E HISTÓRICO

Não sei se você que está lendo isto é aluno do ensino fundamental, médio, técnico, superior, se é vestibulando, concurseiro ou se nem estuda mais, mas espero que goste do que vou escrever a seguir.

Eu não sei vocês, mas eu cresci ouvindo meus pais dizendo “Estuda, estuda muito, porque a única coisa que não podem tirar de você é isso”. Inclusive sou muito grata por eles terem insistido TANTO nesse ponto, porque surtiu efeito e eu sou completamente apaixonada pelo mundo dos estudos. Mas, claro, gosto de estudar as áreas que me interessam (absolutamente Humanas!) e odeio o que não consigo aprender nem com uma arma apontada pra cabeça (SIM FÍSICA, EU TE ODEIO!).

Vamos ao que interessa:
Estudar significa adquirir habilidade e/ou conhecimento.
O ponto que quero discutir aqui hoje é a motivação e a vontade para estudar. Seja para uma prova bimestral, para o vestibular ou para um concurso de nível superior. Faço vestibular e concurso desde 2011, consegui algumas bolsas (em unidades privadas e a do meu curso técnico) e passei em um curso na Federal (que não cursei) e a minha maneira de estudar e ver os estudos mudou MUITO nesses cinco anos. No início eu achava que estudar era só ler bastante a matéria e pronto, ia arrasar. Comecei a ter pulso forte mesmo e “estudar direito’’ em 2013. Arrumei muitas apostilas, descobri vídeo aulas no youtube, sentei e estudei o ano todo. Não passei no curso que eu queria, acontece. 2014 eu comecei mais forte ainda, estudei por dias a fio até agosto, quando passei no curso técnico e resolvi “largar” o vestibular enquanto cursava. Desde setembro/14 até fevereiro/2016 eu me dediquei ao curso, fiz estágio e me formei. Tenho uma profissão (embora não seja a que quero exercer pelo resto da vida). Agora eu voltei ao mundo das matérias do ensino médio, voltei a estudar o que eu não gosto, voltei a uma rotina desgastante que inclui muita força de vontade e disciplina.

Pronto, era aqui que eu precisava chegar: Disciplina, determinação e motivação.
Quando você quer conquistar algo, precisa estar disposto a muita coisa, principalmente abrir mão da folga, do sono e, por muitas vezes, da diversão. Não estou dizendo que tem que se trancar em casa e estudar até o mundo acabar. Mas os momentos prazerosos serão diminutos enquanto você estiver lutando pelo seu futuro. Estabeleça uma meta, se enxergue daqui a 10 anos e pense “O que estou fazendo pSeja disciplinado, focado, apaixonado pelo que faz. Eu, por exemplo, tenho horror a física, mas, infelizmente, sem essa matéria eu não consigo minha vaga, mesmo que meu curso seja da área de Humanas. Torne o que você não gosta um exercício diário de determinação. Faça um cronograma de estudos que te favoreça (cumprindo todo o edital, lógico), mescle as matérias, monte horários em que você não fique com sono e alterne o descanso. Ninguém tem uma fórmula mágica para a aprovação, um feitiço para o sucesso. Isso é uma combinação de MUITO suor, disciplina e força de vontade. Se motive todos os dias, existem MUITOS perfis no instagram (eu tenho um ultra secreto desde 2014 – que agora já não é secreto mais – mas não vou revelar o @, se você veio do instagram não me entregue! Obrigada hahahahaa), blogs e canais no youtube que são focados em motivação e rotina de estudos. Leiam, assistam, se motivem e SEJAM APAIXONADOS PELO FUTURO!ara ter essa realidade no futuro?”, se a resposta for “nada” aconselho que comece a se mexer porque o tempo passa e o arrependimento é mil vezes pior que as lutas diárias.

Quando você procrastina está se auto sabotando, arruinando o seu próprio caminho, a vida que você pode ter. O responsável pelo seu futuro é apenas VOCÊ. Não tem como plantar regalias, farra e maldade e colher aprovação, paz e estabilidade (a não ser que seja uma puta sorte ou você tenha uma fórmula mágica – nesse caso me conta qual é que vou usar). Existe gente que passou assim? Existe, mas é um caso em trinta bilhões. Eu prefiro estudar mesmo, porque não tenho sorte nem em bingo, muito menos para passar em concurso.

Eu poderia dizer muito mais coisas, mas o resumo de tudo isso é: Se você tem uma meta, um sonho e a visão de um futuro maravilhoso, lute por ele. Lute até quando achar que suas forças acabaram, lute até o último item do edital. Quando meu despertador toca, aparece a frase “É SÓ HOJE” na tela do meu celular. Eu peguei esse lema pra mim, eu levanto todos os dias com o pensamento de que é só mais um dia e realmente uma hora será “Só hoje”. Tem funcionado bastante e espero que continue funcionando até meu último dia de estudos. Escreva frases de motivação nos cadernos, nos livros, pela casa toda, escute músicas que te deixem pra cima, se você tem fé a coloque acima de tudo e o resultado não poderá ser diferente do sucesso.

Pretendo fazer posts (ou vídeos, tenho pensado bastante nisso), indicando canais, perfis do instagram, páginas, filmes e músicas que me ajudam todos os dias nessa luta.

Se precisarem de algo estou à disposição (menos dinheiro haha)!

“Não importa o quão devagar você vá, desde que você não pare” – Confúncio


Beijos e boa sorte em cada batalha!

sexta-feira, 22 de julho de 2016

Livro x Filmes

Olá leitores, como vocês estão? Eu estou muito feliz, porque finalmente irei estrear a coluna Livro x Filmes aqui no blog. Vou explicar mais ou menos como vai funcionar, mas já da pra ter uma ideia pelo nome.

Nessa coluna irei comentar e fazer uma comparação entre o livro e sua adaptação para o cinema ou vice e versa. No final, irei dizer qual é melhor, o livro ou o filme. Prometo tentar não dar spoilers, mas em alguns momentos acho que isso será inevitável, mas avisarei quando tiver.

Na estreia da nova coluna, eu trago a vocês um clássico de Stephen King, O Cemitério, no qual o título original da obra é Pet Sematary, inspirado na música de mesmo nome, da banda Ramones. O filme se chama Cemitério Maldito, e o nome original também é Pet Sematary.

Aqui no blog tem a resenha do livro, então vocês podem entender melhor clicando aqui, pois vou falar brevemente do que se trata a história e na sequência, mais detalhado e com as minhas opiniões, as diferenças entre o livro e o filme.

Que comece a disputa...


A HISTÓRIA

No livro e no filme, O Cemitério e Cemitério Maldito, respectivamente, vocês vão conhecer a história do médico Louis Creed, que se muda com sua família para uma casa maior em Ludlow. A trama gira em torno do mistério de um "simitério" para animais, onde, por gerações, era enterrado os bichinhos de estimação das crianças da região e de um outro cemitério que existe mais além daquele local, o Cemitério Micmac.

O lado sombrio da história começa quando Louis tem uma experiência nada agradável com um estudante que morreu em um acidente trágico. Daí pra frente só é tensão. Outro fato sombrio e que é o mais importante da história, pois dará início a grande história criada por King é quando o gatinho de estimação da filha mais velha de Louis é atropelado e o médico, com a ajuda de seu vizinho, que tem uma papel muito importante, resolve enterrar o bichinho no cemitério Micmac. Neste lugar, tudo que é enterrado, volta a vida, então já da pra imaginar que não voltam do mesmo jeito que eram, né?

A COMPARAÇÃO

Sabemos que é impossível colocar todos os fatos de um livro, em um filme, mas se tem algo que detesto em algumas adaptações é a alteração de fatos. Isso acontece em o Cemitério Maldito. Um dos personagens, que tem um papel bem legal na história, se tornou uma outra pessoa no filme e foi simplesmente ridículo, pois o personagem se tornou alguém sem a menor importância e totalmente sem graça. Todavia, isso não tirou toda a emoção.

Falando em personagens, todos (exceto a citada acima) que aparecem no filme possuem características muito parecidas com a do livro. Como eu li antes de ver o filme essas características ficaram mais evidentes ainda.

Uma das cenas mais sombrias, na minha opinião, são as aparições de Pascow, principalmente sua aparência, que tanto no livro, quanto no filme me deixou bem chocada. A cenas da irmã da mulher de Louis também são bastante sombrias e no filme isso ficou bem legal, como no caso de Pascow.

Vamos agora ao gato: no livro, ele é um animalzinho aterrorizante e as descrições de suas cenas são assustadoras, mas no filme, ele é sem graça e não da medo algum.

Além disso tudo, muita cenas de extrema importância foram omitidas da história, como (SPOILER, leiam apenas se quiserem) a cena de quando Louis foi buscar o corpo de seu filho no cemitério, o momento em que ele desenterra e leva até o outro cemitério. Estava no filme, porém não tinha tudo ou pelo menos um pouco mais de como é descrito no livro, que é muito mais tenso. E antes disso, mais no início do livro, quando é descrito a caminhada de Louis e Jud até o cemitério Micmac pela primeira vez, o autor descreve barulhos e vultos muito apreensivos que me deixaram com muito medo, mas no filme, simplesmente, não tem. (FIM DO SPOILER)

O final do livro e do filme são igualmente aterrorizantes e as cenas muito parecidas, isso eu gostei bastante.

Lembrando que é um filme antigo e na época não tinha as mesmas tecnologias de hoje e, ainda assim, muitas cenas me deixaram com medo. Porém, o livro é mil vezes melhor que o filme. Então, quem ainda não conhece Stephen King, leiam esse livro, foi o meu primeiro livro do autor e foi ele quem fez eu apaixonar-me pelas histórias do mestre do terror.
Então, espero que vocês tenham gostado e se vocês já leram o livro, viram o filme, ou desejam conhecer a história, deixem a opinião de vocês aqui. 

Beijos, até mais! 

sexta-feira, 15 de julho de 2016

[Resenha] Jogos Vorazes


Autora: Suzanne Collins
Páginas: 397
Editora: Rocco

Sinopse: Após o fim da América do Norte, uma nova nação chamada Panem surge. Formada por doze distritos, é comandada com mão de ferro pela Capital. Uma das formas com que demonstram seu poder sobre o resto do carente país é com Jogos Vorazes, uma competição anual transmitida ao vivo pela televisão, em que um garoto e uma garota de doze a dezoito anos de cada distrito são selecionados e obrigados a lutar até a morte! Para evitar que sua irmã seja a mais nova vítima do programa, Katniss se oferece para participar em seu lugar. Vinda do empobrecido distrito 12, ela sabe como sobreviver em um ambiente hostil. Peeta, um garoto que ajudou sua família no passado, também foi selecionado. Caso vença, terá fama e fortuna. Se perder, morre. Mas para ganhar a competição, será preciso muito mais do que habilidade. Até onde Katniss estará disposta a ir para ser vitoriosa nos Jogos Vorazes?

"-Bem, há uma garota. Sou apaixonado por ela desde sempre. Mas tenho certeza de que ela não sabia que eu existia até a colheita."

Panem é uma nação criada depois da devastação da América do Norte. Ela foi dividida em 12 distritos, onde cada um possui suas características e são administrados pela Capital. Os Jogos Vorazes é um reality fundado para fazer com que os cidadãos de Panem se lembre que a rebelião nunca deve ser uma opção contra a Capital.

As regras do jogos são bem simples: mate ou morra! O último sobrevivente é o vencedor e terá uma vida privilegiada. Um garoto e uma garota de cada distrito é escolhido e terão que lutar se quiserem viver.

Katniss Everdeen é moradora do Distrito 12, um dos mais pobres de Panem. Ela se dedica a família e garante que sua mãe e sua irmã não passem fome, como aconteceu quando seu pai se foi. Katniss ama sua irmã, Primrose, e faria qualquer coisa por ela.

Colheita é quando ocorre a seleção dos participantes dos jogos e o nome de Prim estará lá pela primeira vez, um único papelzinho com seu nome, no meio de tantos outros, seria impossível seu nome sair logo na primeira vez. Pelo menos era oque Katniss achava. Prim foi selecionada, mas Kat nunca deixaria sua irmã ir para o violento Jogos Vorazes, então ela se oferece como tributo no lugar dela.

O garoto que representará o Distrito 12, junto com Katniss, é Peeta Mellark. Eles enfrentarão muitos perigos e desafios, tanto no Jogos, quanto com eles mesmos, pois os sentimentos podem ficar um pouco a flor da pele nesta batalha para sobreviver.

"Que a septuagésima quarta edição dos Jogos Vorazes comece."

Acho que eu não preciso nem dizer que amei a história. Já gostava muito de todos os filmes e depois de ler o livro... nossa, agora realmente me tornei muito mais fã.

Eu já disse várias vezes aqui no blog que um dos gêneros que eu mais gosto é distopia e, com certeza, Jogos Vorazes é a melhor história distópica que li até hoje. A autora trouxe detalhes as cenas que me deixaram sem folego em muitas páginas.

O que mais me agradou foi que o livro tem poucos momentos "lentos" e muita ação, o que faz com que leiamos sem nem parar para respirar. Eu admito que demorei para terminar a leitura, eu cheguei a ficar uma semana sem pegar no livro, porque final de semestre na faculdade é muita correria e não tive tempo, mas quando eu parava para ler, lia muitos capítulos de uma vez.

Eu não tenho muito o que falar sobre a história, pois acredito que a grande maioria dos leitores conhecem Jogos Vorazes e poucos são os que não gostam. Então, o que eu quero compartilhar com vocês é a grande inteligência da autora, porque é uma história incrível e isso é indiscutível, por mais que tenha pessoas que não gostem.

"E nesse exato momento, a parte mais perigosa dos Jogos Vorazes está para começar."

Essa nota é mais do que merecida e recomendo a todos que ainda não leram o livro. Leiam, é maravilhoso.
Nota: 5/5

sábado, 2 de julho de 2016

Revista Conexão Literatura - 13ª edição

Olá leitores, como vocês estão?

Adivinha quem está fazendo aniversário? Sim, a revista Conexão Literatura está comemorando um ano de existência e trouxe aos leitores uma edição comemorativa cheia de novidades.


Vocês conhecem a "Diva Depressão"? Não? Então estão perdendo um dos melhores conteúdos de humor trash da internet. A "Diva" na verdade é uma personagem criada pelo Filipe Oliveira e Eduardo Camargo, e fazem muito sucesso na internet, eu mesmo adoro. Então, para quem não conhece, a 13ª edição da revista Conexão Literatura trás aos leitores uma super entrevista com os criadores da "Diva Depressão". Adorei a parte das perguntas rápidas, os fãs de Harry Potter também vão gostar hahaha.

Essa edição não tem a coluna "Conexão Nerd", fiquei triste, mas saiu o resultado do concurso de melhor conto de zumbi, e os leitores poderão apreciar o conto. Já adianto, é incrível! E tem entrevista com o vencedor também.

Adorei ter visto uma página falando do blog Praxe Literária, sou muito fã do blog e da criadora, então ai está uma oportunidade para vocês também conhecerem, e mais, o Praxe organiza um evento literário em São Paulo e já tem data marcada para o dia 16 de Julho. Clique aqui para mais informações do evento.

A 13ª edição, trás outras entrevistas, contos incríveis e muito mais sobre literatura, não deixem de baixar a de vocês.


Eu já li a edição e garanto que vocês vão gostar, então não perca tempo, entre no site e baixe a sua.